Frente a frente ou frente-a-frente

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

A forma correta de escrita da locução é frente a frente, sem hífen. A locução frente-a-frente, com hífen, passou a estar errada desde a entrada em vigor do atual Acordo Ortográfico, em janeiro de 2009. 

Frente a frente indica que alguém está posicionado diante de alguém ou de alguma coisa. É sinônimo de cara a cara e face a face.

Exemplos de frente a frente

  • Finalmente estamos frente a frente!
  • Ele pode me evitar, mas um dia nos encontraremos frente a frente.
  • Líderes políticos estiveram frente a frente num intenso debate ideológico. 

Frente a frente e o Acordo Ortográfico 

O atual Acordo Ortográfico trouxe diversas alterações às regras de hifenização da língua portuguesa. Já não se deve utilizar hífen nas locuções substantivas, adjetivas, pronominais, adverbiais, prepositivas ou conjuncionais. 

Exemplos de locuções sem hífen:

  • frente a frente;
  • dia a dia;
  • fim de semana;
  • sala de jantar;
  • cor de vinho;
  • cão de guarda;
  • à toa;

Locuções consagradas pelo uso, com significado próprio, são exceções a esta regra, mantendo o hífen.

Exemplos de locuções com hífen:

  • cor-de-rosa;
  • mais-que-perfeito;
  • pé-de-meia;
  • ao deus-dará;
  • água-de-colônia;
  • arco-da-velha;
  • à queima-roupa.

Frente a frente ou frente à frente

A expressão frente a frente deverá também ser é escrita sem crase. A construção frente à frente, com crase, está errada.

Nunca há crase em expressões com palavras repetidas, mesmo que essas palavras sejam femininas:

  • frente a frente;
  • cara a cara;
  • gota a gota;
  • dia a dia;
  • face a face;
  • lado a lado.

Palavra relacionada: frente.


Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também

Freiar ou frear Frente a frente ou frente-a-frenteFrequente ou freqüente