Dossiê ou dossier

Flávia Neves
Professora de Português

As duas palavras estão corretas. As palavras dossiê e dossier estão dicionarizados e registradas no vocabulário ortográfico da Academia Brasileira de Letras.

Dossier é uma palavra estrangeira, de origem francesa.
Dossiê é a forma aportuguesada da palavra dossier, sendo a mais utilizada pelos falantes.

Estes dois substantivos masculinos são usados para indicar um conjunto de documentos sobre um determinado assunto, empresa, pessoa,… Indicam também a pasta onde estão arquivados esses documentos:

  • dossiê do aluno - dossier do aluno;
  • dossiê eletrônico - dossier eletrônico;
  • dossiê administrativo - dossier administrativo;
  • dossiê pessoal - dossier pessoal;
  • dossiê fiscal - dossier fiscal;
  • dossiê criminal - dossier criminal;
  • dossiê técnico - dossier técnico;
  • dossiê de faturas - dossier de faturas.

Exemplos com dossiê

  • Todos os recibos estão arquivados neste dossiê.
  • Nossa empresa apenas trabalha com dossiê digital. Já não imprimimos nada.
  • O inspetor está verificando todos os documentos do dossiê do treinador.

Exemplos com dossier

  • Todos os recibos estão arquivados neste dossier.
  • Nossa empresa apenas trabalha com dossier digital. Já não imprimimos nada.
  • O inspetor está verificando todos os documentos do dossier do treinador.

Dossier: estrangeirismo

Dossier é um estrangeirismo, sendo a forma original de escrita da palavra em francês. Enquanto em alguns estrangeirismos utilizamos a palavra na sua forma original, em outros estrangeirismos utilizamos a forma aportuguesada da palavra que, neste caso, é dossiê.

A forma aportuguesada dossiê é a forma mais usada pelos falantes, sendo a forma preferencial da palavra. A palavra dossier é um estrangeirismo, devendo ser escrita em itálico ou entre aspas para indicar sua condição de palavra estrangeira.

Palavras relacionadas: dossiê, dossier.


Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também