O bom filho a casa torna ou à casa torna

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

O ditado popular o bom filho a casa torna deverá ser escrito sem acento grave na vogal a, porque não ocorre crase. 

Antes da palavra casa apenas ocorrerá crase se a palavra casa estiver determinada e, habitualmente, a palavra casa, com sentido de lar, é usada sem a presença do artigo definido a. Se a palavra casa estiver determinada com adjuntos adnominais, haverá a presença do artigo definido a, que contrairá com a preposição a, formando crase.

Sem crase: O bom filho a casa torna. (própria casa, não determinada, com sentido de lar)
Com crase: O bom filho à casa dos pais torna. (casa determinada com adjunto adnominal)

Quando usar crase?

A crase é a contração de duas vogais iguais, sendo representada com acento grave. A contração mais comum é a da preposição a com o artigo definido feminino a: a + a = à. 

Para saber usar corretamente a crase, é importante compreender que é necessário haver simultaneamente a presença da preposição a e do artigo definido a. Havendo a presença apenas da preposição ou apenas do artigo não ocorre crase porque é necessário haver a sequência de duas vogais iguais para que ocorra contração.

Está presente a preposição a?

A preposição a está presente porque o verbo tornar é um verbo cuja regência é estabelecida através da preposição a: tornar a. 

Caso haja a substituição do verbo tornar por algum dos seus sinônimos, como retornar, voltar e regressar, não haverá influência na frase, porque todos esses verbos têm a regência da preposição a:

  • O bom filho a casa retorna.
  • O bom filho a casa volta.
  • O bom filho a casa regressa.

Está presente o artigo definido a?

A palavra casa, transmitindo um sentido de lar, de casa própria, é usada sem a presença de um artigo definido que a determine:

  • Vou a casa agora.
  • Chegou a casa em cinco minutos.
  • Retorno a casa amanhã.

Essa situação é facilmente verificável se substituirmos a preposição a por outras preposições:

  • Venho de casa.
  • Vou para casa.
  • Estou em casa.

Quando a palavra casa está determinada com adjuntos adnominais, há a presença do artigo definido a, que contrai com a preposição a, formando crase:

  • Vou à casa da minha avó.
  • Chegou à casa do Pedro em cinco minutos.
  • Retorno à casa dos meus pais amanhã.

A presença do artigo definido é igualmente facilmente verificável na substituição da preposição a por outras preposições: 

  • Venho da casa da minha namorada.
  • Vou para a casa da Rosana estudar.
  • Estou na casa do meu irmão.

Palavra relacionada: tornar.


Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também

O avestruz ou a avestruz O bom filho a casa torna ou à casa tornaO champanhe ou a champanhe