Autoavaliação ou auto-avaliação

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

A forma correta de escrita da palavra é autoavaliação, escrita de forma junta, sem hífen. A palavra auto-avaliação, com hífen, passou a estar errada desde a entrada em vigor do atual acordo ortográfico. Auto escola, escrito de forma separada e sem hífen, também está errado.

Certo: autoavaliação
Errado: auto-avaliação
Errado: auto avaliação

O substantivo feminino autoavaliação indica uma avaliação do próprio, ou seja, uma avaliação feita pela própria pessoa que está sendo avaliada.

Exemplos com autoavaliação

  • Você deverá entregar sua autoavaliação ainda hoje.
  • Todos os alunos procederão à sua autoavaliação no final da formação.
  • O professor não fez nenhum comentário sobre a minha autoavaliação.

Autoavaliação e o Acordo Ortográfico

Autoavaliação é uma palavra formada por derivação prefixal, tendo sido acrescentado o prefixo auto- ao substantivo avaliação: auto- + avaliação.

Auto é um prefixo com origem na palavra grega autós e significa si mesmo, si próprio. A palavra auto pode ser também a forma abreviada da palavra automóvel.

Quando escrever com hífen?

Segundo o Novo Acordo Ortográfico, o hífen é utilizado quando o prefixo termina com a mesma letra que começa a segunda palavra ou quando a segunda palavra começa com h.

Exemplos com hífen:

  • auto-higiene;
  • auto-hipnose;
  • auto-observação;
  • auto-organização;
  • ...

Quando escrever sem hífen?

Em todas as outras situações, o prefixo é escrito junto à palavra já existente.

Exemplos sem hífen:

  • autoavaliação;
  • autoajuda;
  • autoimagem;
  • autoestima;
  • autoescola;
  • ...

Salienta-se que nas formações em que o prefixo termina em vogal e a segunda palavra começa com as consoantes r ou s, estas consoantes deverão ser duplicadas.

Exemplos com consoantes duplicadas:

  • autorretrato;
  • autorreflexão;
  • autossuficiência;
  • autossugestão;
  • ...

Palavra relacionada: autoavaliação.

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também