Buçal ou boçal

Estas duas palavras existem na língua portuguesa e estão corretas. Porém, seus significados são diferentes e devem ser usadas em situações diferentes. A palavra boçal se refere a uma pessoa rude, ignorante, grosseira, com pouca cultura, inteligência e sensibilidade. Refere-se também aos escravos que chegavam de África e não falavam português. A palavra buçal se refere ao arreio do cavalo que vai do pescoço até à cabeça, formado de focinheira, cabeçada, fiador e cedeira.

A palavra boçal poderá ter sido formada a partir da junção da palavra em latim bucceu com o sufixo nominal –al. Este sufixo, acrescentado ao latim bucceu, forma um adjetivo a partir de um substantivo. Pode transmitir uma ideia de relação, natureza e qualidade.

A palavra boçal pode ser um adjetivo ou um substantivo comum. Enquanto adjetivo é uniforme porque apresenta sempre a mesma forma, quer no gênero feminino, quer no gênero masculino (a atitude boçal/o comportamento boçal). Na língua portuguesa, os adjetivos terminados em –l são adjetivos uniformes: boçal, imprescindível, pluvial, amável, azul, fiel, cordial, banal,… Enquanto substantivo comum, boçal é também um substantivo de dois gêneros (o boçal/a boçal).

Exemplos:
Sua atitude boçal não impressionará ninguém!
Aquele boçal não sabe falar português.

A palavra buçal tem sua origem na palavra em espanhol bozal, tendo sofrido evolução. É um substantivo comum masculino.

Exemplos:
Amanhã comprarei um novo buçal para meu cavalo.
Estou aprendendo a fazer um buçal de corda.

As palavras boçal e buçal são escritas de forma parecida e são pronunciadas de forma parecida, mas seus significados são diferentes. A este tipo de palavras chamamos palavras parônimas.

Na língua portuguesa, existem diversas palavras parônimas: boçal/buçal, estofar/estufar, mandado/mandato, aferir/auferir, imergir/emergir, diferido/deferido, discriminar/descriminar, entre outras.

Palavras relacionadas: boçal, buçal.

Outras dúvidas

Veja também