Plural de mal

O plural da palavra mal é males.

A falta de respeito pelo próximo é um mal da sociedade.
A falta de respeito pelo próximo é um dos males da sociedade.

Exemplos:
Desejo-lhe proteção contra todos os males do mundo.
Tantas doenças! Tantos males!
São muitos os males que me afligem.

Na língua portuguesa existem dois números gramaticais: o singular e o plural. O singular se refere a só um ser e o plural se refere a dois ou mais seres.

A principal regra de formação do plural é acrescentar s à palavra no singular, ou seja: menina/meninas, casaco/casacos, mãe/mães,…Esta regra diz respeito, principalmente, aos substantivos terminados em vogal.

Relativamente aos substantivos terminados em –al, -el, -ol, -ul, a formação do plural é feita substituindo o –l por –is:

Animal – animais
Painel – painéis
Farol – faróis

Contudo, existem algumas exceções:
Mal – males
Cônsul – cônsules
Mel – meles ou méis
Fel – feles ou féis

Atenção!
A palavra mal, sendo um advérbio, se mantém invariável, não possuindo forma no plural.
Foi uma noite mal dormida!
Foram muitas noites mal dormidas!

Palavra relacionada: mal.

Outras dúvidas

Veja também