Náufraga ou naufraga

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

As duas palavras existem na língua portuguesa. Náufraga é um substantivo comum, forma feminina de náufrago e naufraga é o verbo naufragar conjugado na 3ª pessoa do singular do presente do indicativo ou na 2ª pessoa do singular do imperativo. Náufrago se refere a uma pessoa que naufragou. Naufragar se refere, principalmente, ao ato de um navio afundar.

A pronúncia das duas palavras é diferente. Em náufraga (náu-fra-ga) a sílaba tônica é o náu e em naufraga (nau-fra-ga) a sílaba tônica é o fra.

Assim, se estivermos falando de uma pessoa que naufragou, que foi vítima de um naufrágio, ou seja, de um acidente com um barco que afundou na água, devemos utilizar o substantivo comum feminino náufraga ou o substantivo comum masculino náufrago, dependendo do gênero.

Exemplos:
A náufraga sobreviveu ao naufrágio.
A náufraga foi dar à costa.

Se estivermos falando do verbo naufragar conjugado na 3ª pessoa do singular do presente do indicativo ou na 2ª pessoa do singular do imperativo, devemos utilizar: ele naufraga ou naufraga tu. O verbo naufragar se refere ao ato de afundar, soçobrar, submergir.

Exemplos:
O navio naufraga lentamente…
Naufraga esta embarcação agora!

Palavras relacionadas: náufrago, naufragar.


Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas