Mulherão ou mulherona: qual é o aumentativo de mulher?

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

As duas formas - mulherão e mulherona - estão certas para indicar o grau aumentativo do substantivo mulher. Além desses dois, a forma mulheraça também está correta.

  • Ela é uma mulher.
  • Ela é um mulherão.
  • Ela é uma mulherona.
  • Ela é uma mulheraça.

As palavras mulherzona e mulherzão não se encontram dicionarizadas, nem reconhecidas no vocabulário ortográfico da Academia Brasileira de Letras.

Quando usar mulherão, mulherona e mulheraça?

As formas no aumentativo do substantivo mulher são usadas para indicar uma mulher grande, forte ou corpulenta. Apesar disso, no dia a dia, os substantivos aumentativos mulherão, mulherona e mulheraça são usados, principalmente, para indicar uma mulher muito bonita, com formas atraentes. Pode significar ainda uma mulher fantástica, com feitos excepcionais.

Exemplos com mulherão

  • Cara, olha só que mulherão passando ali na rua.
  • Como você cresceu, Gabi! Você já está um mulherão.
  • Ninguém se atreve a desafiar aquele mulherão.

Exemplos com mulherona

  • Cara, olha só que mulherona passando ali na rua.
  • Como você cresceu, Gabi! Você já está uma mulherona.
  • Ninguém se atreve a desafiar aquela mulherona.

Exemplos com mulheraça

  • Cara, olha só que mulheraça passando ali na rua.
  • Como você cresceu, Gabi! Você já está uma mulheraça.
  • Ninguém se atreve a desafiar aquela mulheraça.

Formação do aumentativo de mulher

A formação do grau aumentativo do substantivo mulher é feita pela junção de um sufixo aumentativo ao substantivo mulher. São usados os substantivos aumentativos -ão, -ona e -aça.

mulherão = mulher + -ão
mulherona = mulher + -ona
mulheraça = mulher + -aça

Existem diversos outros aumentativos formados com esses sufixos:

  • garotão;
  • meninão;
  • mocetona;
  • criançona;
  • bigodaça;
  • colheraça;

Palavras relacionadas: mulher, mulherão, mulherona, mulheraça.


Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também

Muito ou muinto Mulherão ou mulherona: qual é o aumentativo de mulher? Multirão ou mutirão