Libido ou líbido

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

A forma correta de escrita da palavra é libido. A palavra líbido, embora seja frequentemente utilizada, está errada. Libido é uma palavra paroxítona, com a sílaba bi como silaba tônica (li-bi-do), não sendo acentuada graficamente. A libido é um substantivo feminino que se refere a um desejo sexual instintivo. Segundo teorias da psicanálise, a libido é uma energia vital e fundamental do ser humano, manifesta através da sua sexualidade e de outros instintos básicos.

Exemplos:

  • Freud estudou a libido humana.
  • A libido feminina sofre alterações mediante as fases do ciclo menstrual.
  • Aquele homem sempre apresentou sinais de uma forte libido.

A palavra libido tem sua origem na palavra em latim libidus e é sinônima de desejo, apetite, excitação, tesão e luxúria, bem como de energia vital, energia psíquica e energia fundamental. As palavras libidinoso, libidinagem e libidinosamente são cognatas de libido.

Fique sabendo mais!
Existe uma parte da fonética que trata da acentuação tônica das palavras. Chama-se prosódia. Erros de prosódia são comuns. No caso de libido, erradamente se transforma uma palavra paroxítona em proparoxítona. 

Palavra relacionada: libido.


Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas