Gratuito ou gratuíto

A forma correta de escrita da palavra é gratuito, sem acentuação gráfica. A palavra gratuíto, com acento agudo, está errada. 

O adjetivo gratuito ou gratuita, dependendo do gênero, indica alguma coisa grátis, que não necessita de pagamento. Refere-se também a alguma coisa feita sem motivos, que não tem fundamento ou razão de acontecer. Indica ainda algo feito desinteressadamente, sem esperar nada em troca.

Exemplos com gratuito

  • Não se preocupe com o dinheiro, seu tratamento será gratuito. 
  • Todos os dias eu fico chocada com tanta violência gratuita. 
  • Este mês a mensalidade será gratuita para todos os sócios. 

Gratuito é, assim, sinônimo de grátis, dado, livre, infundado, infundamentado, injustificado, desinteressado, espontâneo e abnegado, entre outras.

Pronúncia da palavra gratuito

A palavra gratuito é uma palavra trissilábica, formada pelo ditongo ui na segunda sílaba: gra-tui-to. Esse ditongo é por vezes erradamente pronunciado separado, como um hiato. Contudo, sendo um ditongo, permanece unido na mesma sílaba, sendo a vogal u a vogal tônica. 

Gratuito é também uma palavra paroxítona. Segundo as regras de acentuação da língua portuguesa, não deverá ser acentuada graficamente e deverá ser pronunciada corretamente com a tonicidade na sílaba tui: gra-TUI-to.

Assim, a palavra gratuito deverá ser pronunciada como as palavras:

  • circuito;
  • fortuito;
  • intuito.

Gratuíto: erro de prosódia 

A prosódia é uma parte da fonética que trata da acentuação tônica das palavras. Erros de prosódia são comuns. No caso de gratuito, erradamente se transforma o ditongo ui num hiato, pronunciando as vogais de forma separada.

Palavra relacionada: gratuito.

Veja também: