Genitor ou progenitor

As palavras genitor e progenitor existem na língua portuguesa. São palavras sinônimas em alguns dos seus significados e ambas estão corretas. Embora tenham significados similares podemos diferenciar situações em que podemos utilizar uma ou outra. Genitor significa pai, a pessoa que gera, e progenitor pode significar pai, a pessoa que gera, ou avô, a pessoa que gera antes do genitor.

A palavra genitor tem sua origem na palavra em latim genitore. É um substantivo comum e se refere à pessoa que gera, ou seja, ao pai. A forma feminina dessa palavra pode ser genitora ou genetriz. Assim, o pai biológico é o genitor e a mãe biológica é a genitora ou genetriz.

Exemplos:
O senhor João é o genitor da Clara.
Foi concedida a guarda do menor ao seu genitor.
Será necessário que o filho se responsabilize pelo acompanhamento de seu genitor aos serviços hospitalares.

A palavra progenitor tem sua origem na palavra em latim progenitore. É um substantivo comum e se refere, num primeiro sentido, à pessoa que gera antes do pai, ou seja, ao avô, ao ascendente. Esta palavra, usada no plural, se refere também aos nossos antepassados, aos nossos ancestrais. Pode ser, contudo, num segundo sentido, usada como sinônimo de genitor, se referindo à pessoa que gera, que origina, ou seja, ao pai, ao procriador. Embora alguns puristas da língua não aceitem este sentido da palavra, está atestado em vários dicionários e é de uso socialmente aceite pelos falantes. O feminino de progenitor é progenitora.

Exemplos:
O senhor João é o genitor da Clara e o senhor Antônio é o seu progenitor.
O senhor João é o progenitor da Clara.
Foi concedida a guarda do menor ao seu progenitor.
Será necessário que o filho se responsabilize pelo acompanhamento de seu progenitor aos serviços hospitalares.
Devemos nossas características genéticas aos nossos progenitores.

Palavras relacionadas: genitor, progenitor.

Outras dúvidas

Veja também