Florescente ou fluorescente

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

Estas duas palavras existem na língua portuguesa e estão corretas. Porém, seus significados são diferentes e devem ser usadas em situações diferentes. Um objeto fluorescente é um objeto  que emite luz ao receber luz. Um negócio florescente é um negócio que se encontra em próspero desenvolvimento. 

Exemplos:

  • Os uniformes dos garis têm faixas fluorescentes.
  • Meu irmão criou uma empresa florescente no ramo informático.

A palavra fluorescente se refere a alguma coisa que tem fluorescência, ou seja, a capacidade que emitir luz ao receber uma radiação luminosa. Sendo desligada a fonte luminosa, o objeto fluorescente também se apaga. Tendo sua origem na palavra em latim fluorescente, deverá ser escrita com as sílabas iniciais fluo (flu-o-res-cen-te).

Exemplos

  • Preciso de uma nova lâmpada fluorescente porque esta fundiu. 
  • O material fluorescente da placa de trânsito se iluminou com a luz dos faróis do carro. 

 
A palavra florescente se refere a alguém ou algo que floresce, que está em próspero desenvolvimento. Pode significar também aquilo que é brilhante, notável, vigoroso. Tendo sua origem na palavra em latim florescens, deverá ser escrita com a sílaba inicial flo (flo-res-cen-te).

Exemplos

  • Aquele país tem uma economia florescente. 
  • Na primavera passeio pelos florescentes jardins. 

As palavras florescente ou fluorescente são adjetivos de dois gêneros, ou seja, uniformes, porque apresentam sempre a mesma forma, quer no gênero feminino, quer no gênero masculino (o projeto florescente - a empresa florescente; o papel fluorescente - a caneta fluorescente). 

Na língua portuguesa, os adjetivos terminados em –e são adjetivos uniformes: florescente, fluorescente, decente, descente, doce, triste, terrestre, leve, pobre, competente, entre outros.

Palavras relacionadas: florescente, fluorescente.

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também