Enxame ou exame

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

Os substantivos masculinos enxame e exame existem na língua portuguesa e estão corretos. Apesar de parecidos, apresentam significados e pronúncias diferentes.

Enxame indica, principalmente, um conjunto de abelhas de uma colmeia. Pode indicar também um conjunto de outros insetos. Com sentido figurado indica uma grande quantidade de coisas ou pessoas, sendo sinônimo de abundância, quantidade, ajuntamento e multidão.

  • enxame de abelhas;
  • enxame de gafanhotos;
  • enxame de marimbondos;
  • enxame de insetos;
  • enxame de artistas;
  • enxame de visitantes;
  • enxame de cometas;
  • enxame de meteoros;
  • enxame de estrelas;
  • enxame de galáxias.

Exame indica uma análise minuciosa de algo, como uma pesquisa, uma investigação, uma análise,..., bem como a verificação minuciosa de um equipamento ou serviço. Indica também um procedimento médico para observação do paciente e uma prova que avalia conhecimentos e capacidades, bem como o parecer dado por quem examinou algo.

  • exames médicos;
  • exame de sangue;
  • exame de urina;
  • exame de gravidez;
  • exames toxicológicos;
  • exame de matemática;
  • exame de física;
  • exame de próstata.

Exemplos com enxame

  • Meu vizinho foi picado por um enxame de abelhas.
  • As ruas foram tomadas por um enxame de estudantes.
  • Cuidado com esse enxame de insetos.

Exemplos com exame

  • Amanhã de manhã vou fazer exame de sangue.
  • O exame médico ainda não foi concluído.
  • Acho que não estudei o suficiente para meu exame de biologia.

Pronúncia de enxame e exame

As palavras enxame e exame são pronunciadas de forma diferente.
Em enxame, a consoante x assume o som de ch, sendo pronunciado como em: enxaqueca, enxerido e enxugar.
Em exame, a consoante x assume o som de z, sendo pronunciado como em: exagero, exemplo e exato.

Palavras relacionadas: enxame, exame.

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também