Em domicílio ou a domicílio

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

Existe muita polêmica acerca da forma correta da expressão. Contudo, as duas expressões estão corretas, existindo no português. Segundo uma perspectiva normativa da gramática, a preposição a deverá ser utilizada com verbos dinâmicos que transmitem uma noção de movimento e a preposição em deverá ser utilizada com verbos estáticos, que não transmitem uma noção de movimento. Segundo uma perspectiva mais dinâmica da língua, a expressão a domicílio é a mais usada pelos falantes, sendo a mais correta também na norma padrão do português europeu. 

Das várias expressões existentes, as expressões entrega a domicílio e entrega em domicílio são as mais debatidas pelos estudiosos da língua sobre a correta preposição a ser utilizada. Os seguidores da gramática normativa defendem que o correto é entrega em domicílio, visto se tratar de um verbo estático e por paralelismo estabelecido com a expressão entrega em casa.

Assim, segundo a gramática normativa, privilegia-se o uso da preposição a com verbos que indicam movimento, como: enviar, levar, ir, conduzir, trazer, dirigir-se, entre outros. Tal como se privilegia o uso da preposição em com verbos que não indicam movimento, como: entregar, dar, cortar, fazer, entre outros.

Exemplos:

  • Vamos entregar em domicílio. (verbo estático)
  • Atendemos os clientes em domicílio. (verbo estático)
  • Damos aulas particulares em domicílio. (verbo estático)
  • Levamos a encomenda a domicílio. (verbo dinâmico)
  • Vamos a domicílio realizar os orçamentos. (verbo dinâmico)

Contudo, esta perspectiva é contraposta por gramáticos que defendem a expressão entrega a domicílio, visto o verbo entregar possuir um sentido dinâmico e não um sentido estático e a preposição a também assumir o sentido de em, além de ser a expressão privilegiada pelo uso.

Exemplo:

  • Vamos entregar a domicílio.

Palavra relacionada: domicílio.


Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também

Em cores ou a cores Em domicílio ou a domicílioEm face de ou face a