Dispensa e despensa

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

As palavras dispensa e despensa existem na língua portuguesa e estão corretas. Porém, seus significados são diferentes e devem ser usadas em situações diferentes.

Despensa, com e, se refere à parte da casa onde se armazenam mantimentos e provisões:

  • despensa da cozinha;
  • despensa do restaurante;
  • despensa organizada.

Dispensa, com i, se refere, principalmente, a uma permissão para a isenção de uma obrigação:

  • dispensa do serviço militar;
  • dispensa das obrigações eleitorais;
  • dispensa por justa causa.

Quando utilizar despensa?

A palavra despensa é maioritariamente utilizada para indicar o lugar onde se armazenam os produtos para serem gastos, sendo sinônimo de copa e armazém.

Exemplos com despensa:

  • Por favor guarde as compras na despensa.
  • A despensa está cheia de comida.
  • Os produtos de limpeza estão guardados na despensa.

O substantivo feminino despensa tem uma origem incerta, podendo ter sua origem no verbo despender, que significa gastar. Assim, alguns dicionários registram a palavra despensa como sinônimo de despesa.

Quando utilizar dispensa?

O substantivo feminino dispensa indica uma permissão para não executar um dever ou obrigação. Pode significar também uma rescisão de um contrato de trabalho por parte da entidade empregadora.

Dispensa é, assim, sinônimo de isenção, desobrigação, licença e permissão, bem como de demissão e despedimento, entre outras.

Exemplos com substantivo dispensa:

  • Meu irmão pediu dispensa do serviço militar para cursar faculdade de economia.
  • O patrão não esclareceu o motivo da dispensa daquele trabalhador.

A palavra dispensa é formada por derivação regressiva do verbo dispensar, ou seja, não por acréscimo, mas sim por subtração do sufixo verbal -ar. O verbo dispensar, por sua vez, tem sua origem na palavra em latim dispensare, devendo assim ser escrito com i na primeira sílaba.

Dispensa: verbo dispensar

Dispensa pode ser também a forma do verbo dispensar conjugado na 3.ª pessoa do singular do presente do indicativo ou na 2.ª pessoa do singular do imperativo.

Verbo dispensar - presente do indicativo:
(Eu) dispenso
(Tu) dispensas
(Ele) dispensa
(Nós) dispensamos
(Vós) dispensais
(Eles) dispensam

Verbo dispensar - imperativo:
(Eu) ---
(Tu) dispensa
(Ele) dispense
(Nós) dispensemos
(Vós) dispensai
(Eles) dispensem

Dispensar indica o ato de não precisar de algo, abrindo mão disso. Indica também o ato de mandar embora, de desobrigar de algum dever ou obrigação e de conceder dispensa. Assim, é sinônimo de prescindir, recusar, rejeitar, renunciar, despedir, isentar, desobrigar, conceder e dar, entre outros.

Exemplos com verbo dispensar:

  • Ela já disse que dispensa meus conselhos.
  • Dispensa tudo o que sobrecarrega a tua vida e vive feliz!

Assista ao nosso vídeo e nunca mais confunda essas duas palavras:

Dispensa e despensa: parônimos

As palavras dispensa e despensa são palavras parônimas, ou seja, são escritas de forma parecida e são pronunciadas de forma parecida, mas os seus significados são diferentes.

Na língua portuguesa, existem diversas palavras parônimas:

  • dispensa e despensa;
  • discriminar e descriminar;
  • iminente e eminente;
  • retificar e ratificar;
  • cumprimento e comprimento;
  • precedente e procedente;
  • ...

Palavras relacionadas: dispensa, dispensar, despensa.


Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também