Despeço-me ou me despeço

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

A forma correta de escrita é: Despeço-me. Deve ser feita uma colocação pronominal enclítica, ou seja, depois do verbo. Embora haja uma grande preferência pela colocação pronominal antes do verbo, a forma básica de colocação pronominal é depois do verbo.

Apesar do uso generalizado, é errado que uma frase seja iniciada com um pronome oblíquo. Assim, está errada a frase: Me despeço. Sendo obrigatória a colocação do pronome depois do verbo, a frase fica iniciada com a forma verbal.

Exemplos com despeço-me

  • Despeço-me cordialmente.
  • Despeço-me atenciosamente.
  • Despeço-me com carinho.
  • Despeço-me com alegria.
  • Despeço-me com tristeza.
  • Despeço-me de todos.
  • Despeço-me dos familiares.
  • Despeço-me dos amigos.
  • Despeço-me ainda hoje.
  • Despeço-me na expectativa da sua resposta.

Eu me despeço: correto

Embora a frase "Me despeço!" esteja errada, a frase: "Eu me despeço!" está certa. Como é iniciada por um pronome pessoal reto e não por um pronome oblíquo, já é aceitável o uso da próclise, ou seja da colocação pronominal antes do verbo.

Exemplos com eu me despeço

  • Eu me despeço cordialmente.
  • Eu me despeço atenciosamente.
  • Eu me despeço com carinho.
  • Eu me despeço com alegria.
  • Eu me despeço com tristeza.
  • Eu me despeço de todos.
  • Eu me despeço dos familiares.
  • Eu me despeço dos amigos.
  • Eu me despeço ainda hoje.
  • Eu me despeço na expectativa da sua resposta.

O uso da próclise ou da ênclise é facultativo quando o verbo não se encontra no início da frase e quando não há elementos que exijam uma colocação pronominal específica.


Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também