Desde ou des de

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

A forma correta é desde, escrito junto, sem acentuação gráfica:

  • Estou tentando falar com ela desde ontem.
  • Saiba, desde já, que não estou interessada nisso.

Des de, dês de e deis de são formas erradas de escrita da preposição desde.

Quando usar a preposição desde?

A preposição desde indica um ponto de partida, que pode ser temporal ou espacial. Assim, desde é sinônimo de a partir de, a começar de, a contar de.

Ponto de partida temporal

  • desde ontem;
  • desde já;
  • desde hoje;
  • desde amanhã;
  • desde agora;
  • desde sempre;
  • desde o ano passado;
  • desde o mês passado;
  • desde a semana passada.

Ponto de partida espacial:

  • desde esta linha;
  • desde a minha casa;
  • desde o início do corredor;
  • desde o início da rua;
  • desde o centro da cidade;
  • desde São Paulo;
  • desde Curitiba.

A preposição desde indica, ainda, uma hierarquia ou gradação:

  • desde funcionários até diretores;
  • desde o mais alto ao mais baixo;
  • desde o mais crente ao mais cético.

Exemplos com desde

  • Desde ontem que eu estou esperando sua chamada.
  • Desde que você foi embora, tudo ficou diferente.
  • Ele é o meu maior inimigo desde sempre.
  • Penso em você desde que te vi na festa da escola.
  • Desde quando ele é o responsável do projeto?
  • Ele veio correndo desde o início do corredor.
  • Desde ricos a pobres, ninguém escapa à morte.

Desdo e desda: formas erradas

A preposição desde não permite contração com artigos. Assim, as palavras desdo e desda estão erradas. 

Os artigos deverão ser escritos separados da preposição desde:

  • desde o século passado;
  • desde o final da festa;
  • desde a chegada da avó;
  • desde a primavera.

O que significa dês?

Dês é uma redução informal e arcaica da preposição desde. Usada no português medieval, atualmente está em desuso. Nunca estaria certo, todavia, dês de, uma vez que dês já significava desde:

  • Desde que você chegou, tudo melhorou.
  • Dês que você chegou, tudo melhorou.

Atualmente, dês é uma forma verbal do verbo dar, quando conjugado na 2.ª pessoa do singular do presente do subjuntivo: que tu dês.

É possível a construção dês de na língua portuguesa, não estando, contudo, em nada relacionada com a preposição desde. É o simples seguimento da forma verbal dês com a preposição de:

  • Espero que me dês de presente de aniversário aquela blusa verde.
  • Ninguém acredita que tu dês de graça esses materiais.
  • Espero que tu não dês de cara na porta quando lá chegares.

O que significa des?

Des, enquanto palavra com sentido absoluto, não existe na língua portuguesa. 

Des- existe apenas como um prefixo que indica negação e oposição, de origem latina:

  • desnecessário (des- + necessário);
  • desfavorável (des- + favorável);
  • desatento (des- + atento);
  • descontente (des- + contente);
  • desigual (des- + igual);
  • desinteressar (des- + interessar);
  • desanimar (des- + animar).

Palavras relacionadas: desde, dês, dar.

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também