Desagradou o ou desagradou ao

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

Desagradou ao cliente é o mais correto segundo as regras gramaticais do português. Desagradou o cliente é a forma mais utilizada pelos falantes da língua num âmbito popular e familiar. O verbo desagradar é encarado como transitivo indireto, com regência da preposição a, ou seja, desagradamos a alguém. Contudo, há um forte predomínio entre os falantes na eliminação da preposição a: desagradamos alguém.

Exemplos conforme as regras gramaticais (transitivo indireto):

  • Essa atitude desagrada a todos!
  • A postura da atriz desagradou aos fãs.
  • As más notas da filha desagradaram aos pais.
  • O mau comportamento do aluno desagradou à professora.

Exemplos conforme o uso (transitivo direto):

  • Essa atitude desagrada todos!
  • A postura da atriz desagradou os fãs.
  • As más notas da filha desagradaram os pais.
  • O mau comportamento do aluno desagradou a professora.

O uso do verbo desagradar como transitivo direto já vem referido em diversos dicionários e gramáticas, sendo adotado por falantes cultos e por diversos escritores. Estando a língua portuguesa em constante alteração, evolução e atualização, é provável que, num futuro próximo, mais gramáticos comecem a considerar consagrada pelo uso a transitividade direta do verbo desagradar.

Este verbo se refere ao ato de causar descontentamento ou reação desfavorável, sendo sinônimo de: descontentar, desgostar, aborrecer, chatear, contrariar, desprazer, desaprazer,…

Fique sabendo mais!
O uso do verbo desagradar como transitivo direto já ocorria entre os clássicos.

Palavra relacionada: desagradar.


Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas