Coletivo de quadros

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

O coletivo de quadros é pinacoteca.

Os substantivos coletivos galeria, coleção e acervo também podem ser utilizados para indicar um conjunto de quadros, pinturas e telas.

Como usar o coletivo de quadros?

Pinacoteca é o principal substantivo coletivo porque indica especificamente um coletivo de quadros de pintura:

  • Adoraria conhecer a pinacoteca daquele conhecido mecenas.
  • Na pinacoteca havia pinturas de Picasso, Dali, Van Gogh, Monet e Matisse.
  • O curador do museu não autorizou a exposição da minha pinacoteca particular.

Os substantivos coletivos galeria, coleção e acervo são genéricos, indicando um coletivo de obras de arte. Como esses coletivos não são específicos, é importante referir que se trata de um coletivo de quadros e não de outras obras de arte:

  • Ele está catalogando esta coleção de quadros.
  • Ele está catalogando esta galeria de quadros.
  • Ele está catalogando este acervo de quadros.

É importante entender que substantivos coletivos são palavras escritas no singular que indicam um conjunto de coisas ou seres da mesma espécie, transmitindo uma noção de conjunto, de coletividade.

Substantivos coletivos de obras de arte

Existem diversos substantivos coletivos que indicam obras de arte específicas:

antologia: coletivo de textos e músicas
coletânea: coletivo de textos e músicas
repertório: coletivo de peças de teatro
biblioteca: coletivo de livros
discoteca: coletivo de discos
cinemateca: coletivo de filmes
gliptoteca: coletivo de esculturas
cancioneiro: coletivo de canções e poemas líricos
romanceiro: coletivo de poemas narrativos
seleta: coletivo de textos literários
hemeroteca: coletivo de jornais e revistas

Confira uma lista completa de substantivos coletivos.

Palavras relacionadas: quadro, coletivo, pinacoteca, galeria, coleção, acervo.

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também