Bem haja, bem-haja, bem hajam ou bem-hajam

Flávia Neves
Professora de Português

Estão corretas as formas de agradecimento bem haja e bem hajam, escritas sem hífen. O substantivo bem-haja, hifenizado, também está correto, estando apenas errada a palavra bem-hajam. 

Bem haja: sem hífen

Bem haja, escrito sem hífen, é uma forma de agradecimento, sinônima de muito obrigado, que pode ser traduzida como: que você tenha tudo de bom. 

Bem haja, no singular, deve ser usado no agradecimento de apenas uma pessoa.
Bem hajam, no plural, deve ser usado no agradecimento de mais do que uma pessoa.

Exemplos com bem haja (singular - você)

  • Bem haja pelo apoio que você me deu.
  • Bem haja por tudo o que você fez.

Exemplos com bem hajam (plural - vocês)

  • Bem hajam pelo apoio que vocês me deram.
  • Bem hajam por tudo o que vocês fizeram.

Como o verbo haver concorda com o sujeito posposto, é possível a flexão em outras pessoas verbais, como a 2.ª pessoa do singular - tu:

  • Bem hajas pelo apoio que tu me deste.
  • Bem hajas por tudo o que tu fizeste.

Bem-haja: com hífen

Bem-haja, escrito com hífen, embora apenas esteja registrado em alguns dicionários, é um substantivo masculino, devendo ser sempre antecedido por um artigo que o determine. É sinônimo de obrigado e agradecimento.

Exemplos com bem-haja

  • Um bem-haja pelo apoio que você me deu.
  • Um bem-haja por tudo o que você fez.

Bem haja X Mal haja

Mal haja, antônimo de bem haja, é uma forma de expressão de descontentamento e reprovação, que pode ser traduzida como: que você seja amaldiçoado. Concorda igualmente com um sujeito posposto, ficando mal haja e mal hajam.

Exemplos mal haja (singular - você)

  • Mal haja pelas mortes que você provocou.
  • Mal haja por todos os crimes que você cometeu.

Exemplos com mal hajam (plural - vocês)

  • Mal hajam pelas mortes que vocês provocaram.
  • Mal hajam por todos os crimes que vocês cometeram.

Palavra relacionada: haver.


Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também

Bem e mal ou bom e mau Bem haja, bem-haja, bem hajam ou bem-hajamBem-estar ou bem estar