Aspirar ou aspirar a

Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de Português

As duas construções são corretas. Podemos aspirar alguma coisa ou aspirar a alguma coisa. Conforme o seu sentido, o verbo aspirar pode ser um verbo transitivo direto (não preposicionado) ou um verbo transitivo indireto (preposicionado).

O verbo aspirar se refere ao ato de inserir ar nos pulmões, bem como fluidos, odores,... Refere-se também ao ato de sugar pó e outras partículas através de vácuo. Inspirar indica ainda o ato de desejar muito alguma coisa.

Aspirar é, assim, sinônimo de inspirar, inalar, cheirar, absorver, sugar, sorver, desejar, almejar, ambicionar e cobiçar, entre outros. 

Regência do verbo aspirar

Com sentido de inspirar, inalar, cheirar, absorver, sugar e sorver, o verbo aspirar é um verbo transitivo direto, estabelecendo regência verbal sem a presença de uma preposição:

  • aspirar o pó;
  • aspirar a sujeira;
  • aspirar o perfume;
  • aspirar o vapor;
  • aspirar o gás.

Exemplos com aspirar (transitivo direto):

  • Qual a melhor forma de aspirar a piscina?
  • É preciso aspirar as secreções do nariz do bebê.
  • Paremos para aspirar o perfume das flores.

Com sentido de desejar muito alguma coisa, o verbo aspirar é um verbo transitivo indireto, estabelecendo regência verbal através da preposição a - aspirar a alguma coisa. Pode ocorrer assim a contração da preposição a com o artigo definido que se segue, ficando ao ou à:

  • aspirar ao sucesso;
  • aspirar ao triunfo;
  • aspirar à grandeza;
  • aspirar à santidade.

Exemplos com aspirar (transitivo indireto):

  • Ele aspira a uma melhor condição de vida.
  • Como não aspirar ao sucesso profissional?
  • O governante aspira à reeleição. 

Palavra relacionada: aspirar.


Flávia Neves
Flávia Neves
Professora de português, revisora e lexicógrafa nascida no Rio de Janeiro e licenciada pela Escola Superior de Educação do Porto, em Portugal (2005). Atua nas áreas da Didática e da Pedagogia.

Outras dúvidas

Veja também