Imigrante e emigrante

Estas duas palavras existem na língua portuguesa e estão corretas. Porém, são palavras antônimas, com significados contrários. A palavra imigrante se refere a uma pessoa que vem residir num país que não é o seu. A palavra emigrante se refere a uma pessoa que sai do seu país, indo residir num país estrangeiro.

O que distingue estes dois conceitos é uma questão referencial. Nos dois casos há migração, ou seja, passagem de um país para outro. Imigração e imigrante têm como ponto de referência o local de destino, ou seja a entrada num novo país. Emigração e emigrante têm como ponto de referência o local de origem, ou seja a saída do seu país.

migrante tem sua origem na palavra em latim immigrans.
Emigrante tem sua origem na palavra em latim emigrans.

Exemplos:
Imigrante:
Os imigrantes chegaram em aviões.
A família real portuguesa imigrou para o Brasil.

Emigrante:
Os emigrantes partiram em aviões.
A família real portuguesa emigrou de Portugal.

Imigrante e emigrante apresentam sempre a mesma forma, quer no gênero feminino, quer no gênero masculino.

As palavras imigrante e emigrante são escritas de forma parecida e são pronunciadas de forma parecida, mas os seus significados são diferentes. A este tipo de palavras chamamos palavras parônimas.

Na língua portuguesa, existem diversas palavras parônimas: imigrante/emigrante, retificar/ratificar, cumprimento/comprimento, precedente/procedente, descrição/discrição, evasão/invasão, entre outras.

Palavras Relacionadas: imigrante, emigrante
« Imergir ou emergir « Imigrante e emigrante » Iminente ou eminente »