Conselho ou concelho

As palavras conselho e concelho existem na língua portuguesa e estão corretas. Contudo, estas duas palavras são diferentes e devem ser usadas em situações diferentes. Conselho pode ser um aviso e um parecer ou um grupo de pessoas com funções deliberativas, como o conselho de ministros. Concelho se refere a uma divisão administrativa do território, como um município.

Conselho tem sua origem na palavra em latim consilium, devendo assim ser escrito com s na segunda sílaba. É um substantivo masculino e se refere a uma opinião, um parecer, um aviso, um ensinamento, uma advertência. Significa também um grupo de pessoas que, reunidas, deliberam sobre certos assuntos, como um corpo executivo, um corpo deliberativo, um corpo administrativo, uma assembleia de ministros,...

Exemplos:
Eu vou te dar um conselho: não se meta nessa confusão!
Se você precisar, pode pedir conselhos à psicóloga da empresa.
Quais foram as decisões tomadas pelo conselho de ministros?
O conselho escolar se reuniu para dialogar sobre o insucesso que existe nas escolas.

Concelho tem sua origem na palavra em latim concilium, devendo assim ser escrito com c na segunda sílaba. É um substantivo masculino e se refere a uma divisão administrativa do território, a um município. Esta palavra é mais utilizada em Portugal do que no Brasil.

Exemplos:
Os recursos serão distribuídos mediante a população do concelho.
Viajei para Portugal e visitei o concelho de Lisboa.
Eu moro no concelho vizinho a este.

As palavras conselho ou concelho apresentam a mesma fonética, ou seja, são pronunciadas de forma igual, mas seus significados e escritas são diferentes. A este tipo de palavras chamamos palavras homófonas. Na língua portuguesa, existem diversas palavras homófonas: conselho/concelho, acento/assento, conserto/concerto, cela/sela, sinto/cinto, cozer/coser,…

Palavras Relacionadas: conselho, concelho.

Dúvidas Relacionadas